Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias do CMSE > Banda Sinfônica do Exército leva música clássica para população de São Paulo
Início do conteúdo da página

Brigada de Artilharia Antiaérea realiza Exercício Alerta Antiaéreo 2022

Publicado: Terça, 21 de Junho de 2022, 14h08 | Última atualização em Quarta, 22 de Junho de 2022, 11h34 | Acessos: 474
imagem sem descrição.

Guarujá (SP) – Nos dias 14 e 15 de junho, a 1ª Brigada de Artilharia Antiaérea (Bda AAAe) conduziu a primeira edição do Exercício Alerta Antiaéreo 2022, envolvendo militares de todos os Grupos de Artilharia Antiaérea (GAAAe) do Exército Brasileiro e da Bateria de Comando da Brigada.

O adestramento ocorreu a menos de dois meses da realização da Operação Sagitta Primus 2022, o maior exercício de Artilharia Antiaérea do Exército Brasileiro, que conta a participação de todas as Organizações Militares subordinadas da Força Terrestre. A operação será em agosto, em Formosa (GO).

O objetivo do exercício realizado nesta semana foi adestrar os subsistemas de Artilharia Antiaérea, sobretudo o de Controle e Alerta, utilizando o software que simula incursões aéreas em pontos sensíveis localizados em diversas regiões do Brasil e transmitindo essas informações por meio de rádio e cibernético, inserido em uma situação tática hipotética.

A concepção geral da atividade consiste no desdobramento de um Centro de Operações Militares e de um Centro de Operações Antiaéreas Principal, localizado no comando da 1ª Bda AAAe, permitindo a esse Grande Comando atuar na direção do exercício e exercer o comando e o controle simultâneo das defesas antiaéreas desdobradas nos diversos pontos sensíveis simulados.

Os GAAAe, localizados no Rio de Janeiro/RJ (1ºGAAAe), Praia Grande/SP (2ºGAAAe), Caxias do Sul/RS (3ºGAAAe), Sete Lagoas/MG (4ºGAAAe), Brasília (11ºGAAAe) e Manaus (12ºGAAAe), desdobraram seus módulos operacionais compostos por uma Sec. AAAe de Míssil Igla S, uma Sec. AAAe de Míssil RBS-70; além de um Centro de Operações Antiaéreo Secundário.

Dessa forma, a Operação Alerta Antiaéreo possibilitou testar, a baixo custo, o estado de prontidão da tropa e a capacidade de prover a defesa antiaérea do território nacional.

registrado em:
Fim do conteúdo da página