Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Notícias do CMSE > Comando Militar do Sudeste forma novos 'snipers'
Início do conteúdo da página

Aviação e Brigada Aeromóvel recebem o Comandante do Exército

Publicado: Terça, 10 de Outubro de 2023, 16h11 | Última atualização em Terça, 17 de Outubro de 2023, 09h18 | Acessos: 671

Links relacionados:

Vale do Paraíba/SP – Nesta terça-feira (10), segundo dia de visitas aos Grandes Comandos e Grandes Unidades do Comando Militar do Sudeste (CMSE), o Comandante do Exército, General de Exército Tomás Miguel Miné Ribeiro Paiva, esteve nas Guarnições de Taubaté (SP) e Caçapava (SP).

ASSISTA AO VÍDEO

Em Taubaté, o Comandante conferiu as capacidades do Comando de Aviação do Exército (CAvEx), que, além promover a aeromobilidade da Força Terrestre, também auxilia a comunidade na execução de ações de cunho cívico-social, no resgate aeromédico, na busca e salvamento e no apoio em calamidades públicas.

No Forte Ricardo Kirk, o Comandante do Exército foi recepcionado pelo Comandante da Aviação do Exército, General de Brigada Fábio Serpa de Carvalho Lima, e pela Guarda de Honra. Em seguida, presidiu uma formatura na qual militares do CAvEx e da 12ª Brigada de Infantaria Leve (Aeromóvel) entraram em forma.

Depois da formatura, os Oficiais se apresentaram ao General Tomás e, na sequência, o Comandante assistiu a uma apresentação sobre a preparação da Aviação do Exército para a Operação CORE 23 (Combined Operation and Rotation Exercise), exercício combinado com o Exército dos Estados Unidos que será realizado entre os meses de outubro e novembro deste ano em território amazônico.

A programação seguiu com palestras do Comandante do Exército para Oficiais-Generais e Oficiais Superiores, e do Adjunto de Comando, Subtenente Luiz Gustavo da Silva Siston, para Subtenentes e Sargentos.

Na parte da tarde, em Caçapava, o General Tomás foi recebido no Forte Ipiranga pelo Comandante da 12ª Bda Inf L (Amv), General de Brigada Rodrigo Ferraz Silva, que apresentou a estrutura de um Posto de Comando Principal e um Tático, o emprego do Sistema de Aeronave Remotamente Pilotada (SARP) e algumas capacidades de comando e controle, utilizados recentemente na Operação Agulhas Negras.

Além disso, a Brigada realizou uma demonstração de uma matriz de sincronização, uma ferramenta utilizada no planejamento de uma operação que permite que o Comandante e o Estado-Maior verifiquem o passo a passo da manobra e a possibilidade de execução das ações em uma linha do tempo.

A 12ª Bda Inf L (Amv) é uma das Forças de Emprego Estratégico (FEE) do Exército Brasileiro, o que a torna apta a atuar com rapidez em qualquer parte do território nacional.

registrado em:
Fim do conteúdo da página